Notícias - Samarco

Publicado 23/04/2017

Fundação Renova cria manual de Gestão Ambiental

Fundação Renova cria manual de Gestão Ambiental
O objetivo é estabelecer diretrizes para o trabalho desenvolvido pelos prestadores de serviços

A Fundação Renova conta com a parceria de diferentes prestadores de serviços para o planejamento e a execução de ações voltadas para os três eixos de atuação: Pessoas e Comunidade; Terra e Água; e Reconstrução e Infraestruturas. Para que os trabalhos desenvolvidos estejam alinhados e sigam corretamente a legislação vigente, foi necessária a criação de um Manual de Gestão Ambiental.

“Reconhecemos que o trabalho das prestadoras é relevante para as nossas entregas. Ainda assim, precisamos nos adequar. Alguns contratos foram firmados de forma emergencial, antes mesmo da constituição da Renova, sem diretrizes específicas em relação à sustentabilidade ambiental. Pela urgência dos prazos, seguimos assim. Contudo, agora, torna-se necessária a implementação de um Manual de Gestão Ambiental específico”, explica Gabriel Oliveira, da área ambiental.

As empresas contratadas para atuação em campo já receberam o documento para que se adequem às novas diretrizes. Até o fim deste mês, elas deverão criar um plano de gestão ambiental próprio e compartilhar com a Fundação Renova para validação.
Elas também deverão apresentar periodicamente um controle de indicadores ambientais, como índices de emissões atmosféricas e resíduos gerados, para que os relatórios sejam mais precisos e o trabalho siga em conformidade com as mais rígidas normas ambientais. Para os novos contratos, essa será uma etapa prevista ainda na fase de concorrência.


Fonte: Assessoria de Imprensa Samarco