Notícias - ArcelorMittal

Publicado 27/01/2017

Plano Verão 2016/2017 já começou

Plano Verão 2016/2017 já começou
O Plano Verão, criado em 1994, tem o objetivo de garantir o máximo de eficiência do sistema de controle das emissões atmosféricas, mesmo diante de ventos mais fortes e maior insolação, condições climáticas mais acentuadas na estação.

Diversas ações que integram o Plano Verão já são realizadas ao longo de todo o ano, mas, neste período, elas são intensificadas, abrangendo principalmente, controles de emissões difusas, que podem sofrer influência das condições de maior calor e ventos mais fortes.

Entre as ações que ganham maior frequência e intensidade no Plano Verão estão: aspersão de polímeros nas pilhas de matérias-primas e água nos viradores de vagões; umectação das vias de tráfego de caminhões e vias não pavimentadas, inclusive nos finais de semana; inspeções e manutenção nos canhões e bicos de aspersão; pilhas de matérias-primas com altura reduzida e limpeza dos pontos de transferência das correias transportadoras.
 
Água: economizar e reusar
É importante ressaltar que os sistemas de controle atmosféricos da ArcelorMittal Tubarão utilizam água de reuso, por meio de investimentos para captação e tratamento de efluentes industriais.
 
NOVIDADES DO PLANO VERÃO 2016/2017
A cada ano, a ArcelorMittal Tubarão acrescenta ao Plano novas ferramentas e procedimentos, em um processo de evolução contínua da gestão. No Verão 2016/2017, foram aprimoradas medidas de controle para reduzir ainda mais o consumo de água, realizado investimentos em equipamentos e incluídas novas ferramentas de gestão.

Aprimoramento de técnicas de controle
A aplicação do melaço de cana de açúcar em conjunto com a água de reuso nas vias e pátios foi iniciada no ano passado e trouxe resultados significativos na redução da ressuspensão de poeira do solo, provocada pela passagem de veículos ou pelo vento.

Neste ano, essa prática foi sistematizada e ampliada para as pilhas de coprodutos armazenadas internamente. Além de dar maior eficiência, o uso do melaço também reduz o volume de água necessário para a umectação.

Investimentos em equipamentos
Nova estação dosadora de polímeros - resultado de um investimento de R$ 1 milhão, essa melhoria implantada no pátio de carvão permite a aplicação automática de polímero, aumentando a agilidade no acionamento. Adicionalmente, aumenta o alcance dos canhões para a totalidade das pilhas de carvão e reduz a movimentação de caminhões dentro dos pátios. A aplicação de polímero é uma forma eficaz de manter a umectação, permitindo menor uso de água. O produto forma uma película nas pilhas evitando o arraste do material armazenado.
Novo sistema de lava-rodas - construído na saída do Almoxarifado 8, esse equipamento reduz o arraste de material para as vias pelas rodas dos caminhões. Existem outros cinco lava-rodas na empresa.
Reforma de filtro de mangas - o investimento permitiu a troca de todos os elementos filtrantes e das coifas de captação, além de promover melhorias no sistema de limpeza. Este equipamento é responsável pela captação e tratamento das emissões geradas no manuseio e envio de matéria-prima para o Alto-Forno 1.

Ferramentas de Gestão
A ArcelorMittal Tubarão contratou um serviço especializado para receber informes de previsão meteorológica, incluindo alerta para situações que possam demandar maior atenção aos controles, como rajadas de ventos e chuvas intensas. Essa nova ferramenta vai permitir uma ação mais rápida e preventiva no reforço dos controles, além do desdobramento de ações contingenciais.

Com o objetivo de certificar a eficiência das ações desenvolvidas e buscar a melhoria contínua, a empresa está realizando, em parceria com a Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes) e a Ecole des Mines de Douai (França), estudos para avaliação dos efeitos do uso de polímeros nos controles atmosféricos. Alguns resultados dessa parceria já permitiram realizar ajustes, principalmente na forma de dosagem. As informações técnicas dos estudos serão base para os ajustes do controle que podem ser realizados no dia a dia.

Saiba mais sobre outras ações do Plano Verão
Sistemas de aspersão de água com polímeros - servem para umedecer as matérias-primas (carvão, minério e fundentes), evitando o arraste provocado pelo vento quando são movimentadas ou armazenadas nos pátios.

Ações intensificadas no Plano Verão: aumento da frequência dos ciclos de umectação e manutenções preventivas nos equipamentos que compõem o sistema de aspersão dos pátios de estocagem de carvão, minério e calcário.

Sistemas de aspersão de água com polímeros

Limpeza e umectação de vias com melaço misturado à água de reuso - são dez caminhões umectantes e quatro com vassouras dedicados a manter as vias limpas, o que garante a redução de emissões causadas pela movimentação de veículos dentro da usina. 

Ações intensificadas no Plano Verão: aumento da frequência da limpeza das vias de maior tráfego, inclusive nos finais de semana. Aumento da frequência de umectação de vias não pavimentadas e dos pátios internos.

Limpeza e umectação de vias com melaço misturado à água de reuso

Filtros de Mangas - são 76 equipamentos instalados em diferentes áreas da usina que captam a poeira gerada nos processos, garantindo a eficiência na retenção das emissões atmosféricas. 

Ações intensificadas no Plano Verão: aumento na frequência de inspeções e manutenções preventivas nos equipamentos para garantir a operação contínua e eficiente.
Lavadores de rodas - existem seis instalações desse tipo na empresa, incluindo a nova implantada no Almoxarifado 8. Fazem a limpeza das rodas e dos pneus dos veículos nas saídas dos pátios não pavimentados. 

Ações intensificadas no Plano Verão: aumento na frequência de inspeções e manutenções preventivas de forma a garantir a máxima disponibilidade do equipamento.


Fonte: Gerência de Comunicação e Imagem ArcelorMittal