Notícias - Gerais

Publicado 12/04/2017

Sistema Findes oferece capacitação gratuita para setor do vestuário

Sistema Findes oferece capacitação gratuita para setor do vestuário

Com o tema “Gestão comercial em moda”, a especialista Denise Mattos fará palestras em Vitória, Colatina, Linhares e Cachoeiro de Itapemirim

O Circuito de Capacitação do Setor do Vestuário continua na próxima semana com mais um ciclo de palestras entre os dias 18 e 20 de abril. Com o tema “Gestão comercial em moda”, a especialista Denise Mattos fará apresentações em Vitória (18/04), Linhares (19/04), Colatina (19/04) e Cachoeiro de Itapemirim (20/04). O Circuito é uma ação iniciada em 2016 pelo Sistema Findes, por meio do Instituto Euvaldo Lodi (IEL-ES) e com apoio da Câmara Setorial da Indústria do Vestuário da Findes e parceria técnica do Instituto Rio Moda. A ação conta com palestras gratuitas voltadas para empresários e profissionais do setor e serão realizadas durante todo o ano.

A palestrante do Circuito da próxima semana, Denise Mattos, é graduada em Gestão de Marketing pela Universidade Candido Mendes – UCAM, com MBA em Gestão de Pessoas pela Fundação Getúlio Vargas – FGV e MBA em Varejo Internacional pela universidade de Youngstown, nos Estados Unidos. Ela acumula 25 anos de experiência em gestão de varejo e trabalhou 17 anos no Grupo Soma, como supervisora da marca Animale e diretora comercial das marcas Farm, Fábula e Foxton. Hoje exerce a função de diretora de Operações do grupo Restoque, com a missão de reestruturar toda cadeia de valor na operação de loja da Omini e da Channel.

Inscrições aqui.

Perspectivas para 2017

O Circuito de Capacitação do Setor do Vestuário de 2017 teve início no último dia 6 de abril, sede da Federação das Indústrias do Estado do Espírito Santo (Findes), em Vitória, com palestra do economista e especialista em estratégias de mercado Marcelo Villin Prado. O tema apresentado foi: “Perspectivas do mercado do vestuário e quais ações tomar no momento de crise”. Marcelo, assim como em 2016, fez a palestra de abertura da programação do Circuito.

“Uma coisa não mudou em relação ao que apresentei aqui em 2016: ainda vivemos uma crise política e econômica”, disse Marcelo. “Porém, o panorama que vivíamos em abril do ano passado, quando fiz minha palestra no Circuito, era muito pior do que o de agora. Tínhamos uma presidente em vias de sofrer um impeachment, um presidente do Congresso correndo o risco de ser cassado, uma economia totalmente fragilizada e sem perspectivas. Hoje, ainda vivemos uma imensa crise política e econômica, mas, ao menos, as perspectivas melhoraram muito”, analisou o especialista.

De acordo com Marcelo Villin Prado, o setor do vestuário já voltou a respirar. “Somente nos dois primeiros meses de 2017, tivemos uma alta de 8% no varejo. Claro, no ano passado estávamos literalmente no fundo do poço e qualquer “recuperação” soaria grande comparada ao mesmo período de 2016. Mas realmente vivemos um momento mais otimista a curto e médio prazos. A tendência, a partir de agora, é que o setor cresça ainda mais com as demandas de datas importantes como o “Dia das Mães e o lançamento das coleções de inverno”, pontou Prado.



Fonte: Assessoria de Comunicação Findes / Por Fábio Martins